Caderneta de Poupança: Como Funciona? Quanto Rende? (Guia Completo da Poupança)

Se você está lendo este artigo é muito provável que tenha dinheiro guardado na caderneta de poupança, mais conhecida apenas como poupança.

Digo isso porque, segundo dados da Anbima, dentre a parcela da população que guarda/investe o seu dinheiro, 89% escolhem deixar o dinheiro na poupança.

Mas pelo simples fato de você estar pesquisando sobre o assunto já mostra que está mais interessado do que a maior parte da população brasileira, o que é muito bom.

Pois bem.

Neste artigo irei apresentar um guia completo, com absolutamente tudo o que você precisa saber sobre a caderneta de poupança. Com este guia você conseguirá entender de forma simples todas as características da poupança, como ela funciona e quanto ela rende. E o melhor, você aprenderá a calcular por conta própria quanto rende a poupança independente do cenário econômico.

Por que isso é importante? Porque a toda hora recebo essa pergunta e também vejo as pessoas perguntando em fóruns, grupos e outros lugares qual o rendimento da poupança hoje

Acontece que o rendimento da poupança pode mudar a cada 45 dias. Então se você ficar dependendo de pesquisar o rendimento da poupança cada vez que esse mudar, passará sua vida toda procurando.

Portanto, neste artigo eu vou lhe ensinar a calcular o rendimento da poupança por conta própria. E não se preocupe, isso é extremamente fácil e você poderá fazer o cálculo utilizando a calculadora do seu celular.

Além disso, também vou lhe apresentar outras alternativas de investimentos que são melhores do que a poupança.

Como o conteúdo deste guia está dividido:

  • O que é a caderneta de poupança?
  • Como funciona a caderneta de poupança (liquidez, aniversário, etc)?
  • Quanto rende a poupança?
  • Poupança antiga vs poupança nova (diferenças)
  • Alternativas de investimento à poupança

O Que é a Caderneta de Poupança?

Porquinho-em-cima-de-livros-scaled

A poupança é um tipo de conta bancária, oferecida pela maior parte dos bancos, que permite ao cliente guardar seu dinheiro e ainda traz um pequeno retorno sobre a quantia guardada.

Portanto, ela é sim considerada um investimento. Mas já vou dar um spoiler aqui: ela é um péssimo investimento! E nós veremos o porquê disso muito em breve.

A caderneta de poupança é hoje o investimento mais popular dos brasileiros. Isso se dá principalmente pela facilidade que nós temos em depositar e resgatar o dinheiro dela.

Quando abrimos uma conta corrente em um banco, normalmente já vem uma conta poupança no pacote. E sempre que você abre o aplicativo do seu banco ela está ali, com os botões de “Aplicar” e “Resgatar”, esperando para serem usados.

Como é muito fácil utilizar, e também devido a algumas de suas características como a liquidez (na verdade a poupança possui uma falsa liquidez, já veremos isso), que permite que possamos aplicar e resgatar o dinheiro investido a qualquer momento, acaba que quase todo mundo acaba optando por deixar o dinheiro lá.

Como Funciona a Caderneta de Poupança?

dúvidas-scaled

Além de todas as facilidades e a praticidade de poder deixar o dinheiro guardado e resgatar ou aplicar a qualquer momento, através dela também é possível fazer outras operações bancárias, como DOC e TED.

Mas é exatamente por causa dessas funcionalidades, que a caderneta de poupança é muito mais uma conta bancária comum do que um investimento.

Contudo, apesar disso tudo, a poupança é sim considerada um investimento pelo fato de que ela remunera o investidor com um percentual do valor aplicado. Vamos ver agora como funciona a rentabilidade da caderneta de poupança.

Veja bem, ainda não entraremos no tópico de quanto rende a poupança, isso será o próximo tópico. Entretanto esse tópico é muito importante pois veremos como é feito o pagamento dessa rentabilidade, abordando assim outras características dela: a liquidez e o famoso aniversário da poupança.

Liquidez da poupança

Primeiro é importante definir o conceito de liquidez.

A liquidez é a facilidade que um ativo possui de ser transformado em dinheiro. Se um ativo pode facilmente ser transformado em dinheiro, dizemos que ele possui alta liquidez. Em contrapartida, se um ativo possui mais dificuldade de ser transformado em dinheiro, o mesmo possui baixa liquidez.

Talvez isso tenha ficado um pouco confuso, mas não se preocupe, vou dar um exemplo agora que vai esclarecer tudo.

Digamos que você possua um imóvel. Mas devido a algum acontecimento inesperado na sua vida, precisará de uma grande quantia de dinheiro logo. Para momentos como esse é importante ter uma reserva de emergência. Mas como você não tem uma reserva decide vender o imóvel.

Você concorda comigo que em alguns casos pode levar meses ou até mesmo anos até que você consiga vender o imóvel?

Por este motivo que os imóveis são considerados ativos com baixíssima liquidez.

Em contrapartida, a poupança tem uma liquidez muito alta, pois você pode resgatar o dinheiro investido lá a qualquer momento. Mas será que isso é verdade mesmo?

Acontece que a poupança possui algo que chamamos de falsa liquidez, e isto está relacionado com a característica da caderneta de poupança que veremos a seguir.

O aniversário da poupança

O dinheiro que temos investido na poupança pode ser resgatado a qualquer momento sim. Não interessa se é domingo, feriado, nem mesmo se você solicitará o resgate de madrugada, o dinheiro vai cair na mesma hora na sua conta.

“Mas então isso não configura a caderneta de poupança como um investimento de alta liquidez?”

Essa pergunta é um tanto complicada, e a resposta seria algo como: SIM e NÃO!

Sim porque você pode sim ter seu dinheiro de volta a qualquer momento.

Não por conta da falsa liquidez da poupança, que existe por conta do aniversário dela.

Veja bem.

Em um investimento comum, ao investir o seu dinheiro, todos os dias o mesmo deverá render um pouco. E ao resgatá-lo, você tira o dinheiro acrescido dos juros obtidos no período.

Acontece que a caderneta de poupança não rende diariamente. Ela rende apenas a cada 30 dias. Este que é o chamado aniversário da poupança.

Portanto, se você investe 1000 reais na poupança no dia 1º de um mês, o rendimento da poupança sobre esses 1000 reais só serão creditados no dia 1º do mês seguinte (isso se não for final de semana ou feriado). E se você resgatar o dinheiro antes disso (mesmo que seja dia 29 ou 30), resgatará apenas os 1000 reais exatos. Sem rendimento algum.

“E qual o problema disso?”

A inflação!

A inflação se trata do quanto o nosso dinheiro se desvaloriza todos os dias. É por conta dela que o nosso custo de vida vai ficando mais alto cada dia, cada mês e cada ano que passa. Portanto, ao investir 1000 reais em um dia e resgatar os mesmos 1000 reais 29 dias depois, na verdade você perdeu dinheiro, pois aqueles 1000 reais se desvalorizaram nesse tempo.

Neste artigo eu explico em mais detalhes o que é inflação e como ela é calculada aqui no Brasil.

Enfim, agora você já sabe o que é o aniversário da poupança e por que se fala que a poupança tem uma falsa liquidez. Agora vamos para talvez o tópico mais esperado deste guia: o rendimento da caderneta de poupança.

Quanto Rende a Poupança?

quanto-rende-a-poupança-scaled

Como eu disse anteriormente, o meu objetivo com este guia é fazer você aprender a calcular por conta própria quanto a poupança está rendendo independentemente do cenário econômico.

Não gosto de apenas dizer as coisas, gosto de fazer as pessoas pensarem. Até mesmo porque, como diz o ditado:

Dê um peixe a um homem e você o alimentará por um dia. Ensine-o a pescar e você o alimentará por toda a vidaProvérbio Chinês

A rentabilidade da poupança está diretamente ligada à taxa Selic, que é a taxa básica de juros da economia brasileira. Todas as outras taxas de juros são determinadas com base na taxa Selic, que é determinada pelo COPOM (Comitê de Política Monetária) em uma reunião a cada 45 dias.

Por isso que não adianta eu simplesmente lhe falar quanto que a poupança rende hoje, pois esse valor muda a todo momento.

E além de estar atrelada à taxa Selic, ela também depende de uma outra taxa, a TR (Taxa Referencial). Neste vídeo você entende em mais detalhes o que é a TR:

Mas o mais importante é que a TR está zerada desde o final de 2017.

Até 3 de maio de 2012, a poupança tinha uma regra de rentabilidade. Após essa data ela mudou, e segue uma regra nova. É por isso que dizemos que algumas pessoas ainda possuem a poupança antiga (falaremos sobre ela no próximo tópico).

De acordo com a regra nova da poupança, existem 2 cenários que definem quanto que a poupança vai render:

  1. Cenário 1: se a taxa Selic estiver maior que 8,5% ao ano, então a poupança vai render 0,5% ao mês + TR.
  2. Cenário 2: se a taxa Selic estiver menor ou igual a 8,5% ao ano, então a poupança vai render 70% da taxa Selic + TR.

Ficou confuso?

Vamos para os exemplos práticos então. Para saber o valor atual da taxa Selic basta pesquisar no Google que o primeiro resultado já lhe fala.

Agora digamos que a mesma esteja em 10% ao ano. Nesse caso, a poupança vai render 0,5% a.m. + TR. A mesma coisa se a Selic estiver em 12 ou 14% a.a. Segundo a regra, qualquer valor da taxa Selic acima de 8,5%, a poupança rende os mesmos 0,5% a.m. + TR.

Entretanto, ultimamente estamos passando por um momento de juros baixos aqui no Brasil, então a Selic segue o segundo cenário.

Portanto, se a Selic estiver em 6,5%, a poupança vai render 4,55% a.a. (6,5 x 0,70), pois a TR está zerada. Se a Selic for 4,25%, então a poupança vai render 2,975% a.a. (4,25 x 0,70). Se a Selic for 2,25%, então a poupança vai render 1,575% a.a. (2,25 x 0,70). Acho que deu pra entender né?

Se preferir, também pode ver esta parte do conteúdo através deste vídeo:

Existe diferença na rentabilidade da poupança entre bancos?

Uma dúvida muito comum é a seguinte: existe diferença na rentabilidade da caderneta de poupança entre diferentes bancos?

NÃO!

Veja bem.

A rentabilidade da poupança é determinada pelo Banco Central. Portanto todos os bancos precisam seguir essa rentabilidade determinada.

Se algum banco lhe fala que a poupança deles rende mais que a de outros bancos eles estão mentindo.

A não ser que eles estejam se referindo à poupança antiga. Isso é o que veremos no próximo tópico.

Poupança Antiga

poupança-antiga-scaled

Como explicado no tópico anterior, ocorreu uma mudança na remuneração da poupança em 2012. Mais especificamente no dia 3 de maio de 2012.

Portanto, todos os depósitos feitos em caderneta de poupança depois dessa data (a partir de 4 de maio de 2012) seguem a regra nova de rentabilidade da poupança. Que foi explicada no tópico anterior.

Acontece que todos os depósitos feitos em poupança antes disso, seguem a regra antiga de remuneração da poupança. E existem muitas pessoas que possuem a mesma poupança desde essa data e continuam com dinheiro guardado lá. Por isso ela é conhecida como poupança antiga.

“Mas afinal quanto rende a poupança antiga?”

Bem fácil na verdade. A poupança antiga rende SEMPRE 0,5% a.m. + TR. Independente de quanto está a taxa Selic, os depósitos feitos na caderneta de poupança antiga rendem 0,5% a.m. + TR.

A diferença entre a poupança antiga e a poupança nova é apenas esta. Na nova, a rentabilidade depende da taxa Selic. Na antiga não, é sempre 0,5% a.m. + TR.

“Por que isso faz tanta diferença?”

Porque em momentos de Selic baixa, uma rentabilidade de 0,5% ao mês de forma segura se torna bastante atrativa. Podendo ser até mais atrativa do que alguns investimentos de renda fixa que veremos a seguir.

Alternativas de Investimento à Caderneta de Poupança

Investimentos-melhores-que-a-caderneta-de-poupança-scaled

Como prometido no início deste guia, vou lhe apresentar agora algumas alternativas mais interessantes de investimento para tirar o dinheiro da poupança.

Tesouro Direto

A primeira alternativa se trata do Tesouro Direto, que é um programa que permite que qualquer pessoa comum invista em títulos públicos.

De uma outra maneira, isso significa que você pode emprestar dinheiro para o governo e receber uma remuneração por isso.

O melhor do Tesouro Direto é que ele é ainda mais seguro do que a poupança, e é possível investir com pouco dinheiro.

Existem diversos títulos que você pode investir através do programa do Tesouro Direto, mas o título que possui características mais similares à poupança é o Tesouro Selic. Esse título rende diariamente (diferente da poupança), é mais seguro que a poupança e rende mais que ela, já que a poupança rende 70% da Selic, enquanto este título rende 100% da Selic (a não ser que a sua poupança seja antiga).

Neste artigo eu apresento um passo a passo de como começar a investir no Tesouro Direto.

CDB (Certificado de Depósito Bancário)

Outra alternativa à caderneta de poupança são os CDBs.

Os CDBs são produtos de renda fixa emitidos por bancos quando os mesmos precisam captar dinheiro.

A segurança dos CDBs é exatamente a mesma da poupança, pois esses dois ativos são protegidos pelo FGC (Fundo Garantidor de Crédito).

Só que ao escolher CDBs para investir, você precisa olhar para algumas características. Alguns CDBs que são oferecidos pelos bancos são péssimos, podendo render até menos do que a própria poupança. Enquanto outros são bem mais atrativos.

Normalmente você consegue encontrar bons CDBs criando conta em corretoras de valores e pesquisando alternativas mais interessantes lá dentro.

LCI (Letra de Crédito Imobiliário)

Outra alternativa de investimento à caderneta de poupança são as LCIs, Letras de Crédito Imobiliário.

Elas possuem muitas similaridades com o CDB, pois também são títulos de renda fixa emitidos por bancos. Entretanto, possuem isenção de imposto de renda, por isso em alguns casos podem ser mais atrativas e tão seguras quanto.

BÔNUS: Alternativas mais arrojadas para investir melhor

Os 3 investimentos apresentados acima são tão seguros ou até mais seguros do que a caderneta de poupança. E além disso, na maioria dos casos eles rendem mais.

Entretanto, você precisa entender que esse “render mais” é um apenas um pouco mais. Isso acontece pelo fato de que o Brasil está com taxas de juros cada vez mais baixas.

Por isso que se você quer investir para obter retornos realmente elevados, é preciso se arriscar mais e começar a investir aos poucos em renda variável.

Sim, estou falando da bolsa de valores, mas não precisa se assustar.

Primeiro, não recomendo que você simplesmente pegue todo o seu dinheiro e coloque na bolsa. De jeito nenhum, é muito importante sim ter algum dinheiro em renda fixa, especialmente para emergências. Mas tenha em mente que você não ficará rico investindo em renda fixa.

Por isso é muito importante estudar e começar aos poucos a investir na bolsa de valores. Pensando nisso, vou deixar aqui a recomendação de leitura de outro guia completo, mas dessa vez sobre como investir na bolsa de valores da forma correta e não perder dinheiro.

Investindo na bolsa de valores é que você começará a receber uma renda passiva considerável e com o tempo até mesmo alcançará a sua independência financeira.

Conclusões

A caderneta de poupança é considerada sim um investimento, pelo fato de que qualquer valor que você aplicar nela terá uma pequena remuneração, que acontece a cada 30 dias, no aniversário da poupança.

Entretanto, a poupança é um péssimo investimento, pois existem alternativas muito mais atrativas e de fácil acesso para quem quer tirar o dinheiro da poupança.

Agora me fala uma coisa: você ainda tem dinheiro guardado na poupança? Se sim, comenta ai embaixo o porquê de você ainda manter dinheiro nela?

Forte abraço,

Francisco

O post Caderneta de Poupança: Como Funciona? Quanto Rende? (Guia Completo da Poupança) apareceu primeiro em Portal da Riqueza.

Fale Conosco
Mande um WhatsApp